Português Italian English Spanish

Parabéns Portugueses: 23 de Maio, Portugal faz 841 anos !

Parabéns Portugueses: 23 de Maio, Portugal faz 841 anos !

Data de Publicação: 23 de maio de 2020 17:02:00
Neste mesmo dia, em 1179, O Papa Alexandre III emite a bula "Manifestis Probatum" em que reconhece Portugal como Reino. São os 841 anos de Portugal.

Parabéns Portugueses! Portugal faz hoje oficialmente 841 anos. Não é todos os dias que uma nação se pode orgulhar de festejar o seu aniversário, especialmente se falarmos de um dos países mais antigos do mundo: Portugal.

Não existe um consenso entre os historiadores sobre a data que assinala o nascimento do nosso país mas esta parece-nos ser a mais correcta ou, pelo menos, a mais oficial de acordo com os costumes da época, em que o Papa e a Igreja Católica eram quem governava a Europa.

Neste mesmo dia, em 1179, O Papa Alexandre III emite a bula “Manifestis Probatum” em que reconhece Portugal como Reino independente. Esta bula declarou o Condado Portucalense independente do Reino de Leão e, D. Afonso Henriques, o seu soberano. Reconheceu, ainda, a validade do Tratado de Zamora, assinado a 5 de Outubro de 1143 em Zamora, pelo rei de Leão e por D. Afonso Henriques.

D. Afonso Henriques

Importa referir que a data não é consensual! A bula papal é talvez o mais importante pormenor que pode indicar o nascimento de Portugal porque, efectivamente, o Papa era a autoridade máxima daquela época e era ele que decidia conflitos entre países ou o reconhecimento da independência de nações.

E se a data não é consensual, quais são afinal as outras hipóteses?

1. 24 de Junho de 1128

Trata-se da data da Batalha de São Mamede, que foi uma batalha travada entre D. Afonso Henriques e as tropas dos barões portucalenses contra as tropas do Conde galego Fernão Peres de Trava, que se tentava apoderar do governo do Condado Portucalense. As duas facções confrontaram-se no campo de São Mamede, perto de Guimarães.

Com esta vitória, D. Afonso Henriques assegurou que o Condado Portucalense não ficava nas mãos de Castela ou sob influência galega. A partir deste momento, D. Afonso Henriques começou a traçar o seu caminho até se tornar o primeiro rei de Portugal.

2. 25 de Julho de 1139

É a data da Batalha de Ourique. A Batalha de Ourique ocorreu num local que as fontes denominam de Ourique (Aulic, Oric, Ouric), que na altura estaria no território controlado pelos muçulmanos (tunc cor terrae sarracenorum).

No terreno defrontaram-se as forças “portuguesas” lideradas por D. Afonso Henriques, que havia partido de Coimbra, contra cinco “reis” mouros: Sevilha, Badajoz, Évora, Beja e um quinto de nome Ismar, que alguns autores pensam ser o alcaide de Santarém e outros de Elvas, sendo apenas esta uma das muitas dúvidas que envolvem esta importante batalha.

Foram as vitórias militares que asseguraram a D. Afonso Henriques, um território suficientemente vasto para se afirmar como um Reino, e foram estas também que permitiram que o Reino de Portugal fosse reconhecido internacionalmente como tal. Destas vitórias, Ourique é sem dúvida a mais importante, pois foi a partir desta que Afonso Henriques passou a utilizar o título de Rei (Rex).

3. 5 de Outubro de 1143

No dia 5 de Outubro de 1143 foi assinado em Zamora, um tratado entre os réis D. Afonso Henriques de Portugal e D. Afonso VII de Leão e Castela do qual resultou a paz entre os dois reinos.

A partir desta data, o rei de Leão e Castela reconhece o rei e o reino de Portugal como entidades independentes, contudo, salvaguarda o facto de o reino de Portugal, continuar sob a alçada do monarca espanhol, como seu imperador (Imperatore).

 

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário